A Ametista pertence a família das pedras de quartzo e tem uma tonalidade de cor violeta.
Seu nome provem da palavra grega Amethystós (não bêbado). Esta pedra simboliza o terceiro olho e é símbolo da modéstia, afasta os maus pensamentos e transforma energias negativas em positivas.

Historia da Ametista segundo a mitologia grega.
Na mitologia grega, Dionísio, o Deus do vinho, desprezado pelos mortais, jurou lançar os seus tigres contra a primeira pessoa que encontrasse. A bela Ametista, a caminho do templo da deusa Diana, foi a primeira a passar e acabou sendo atacada pelas feras. Vendo seu desespero, Diana decidiu transformá-la em um cristal para aliviar sua dor. Arrependido, Dionísio despejou vinho sobre a pedra, que adquiriu então a cor púrpura.

Antigamente os terapeutas aconselhavam o uso da pedra ametista para curar o alcoolismo, os soldados usavam esta pedra para se protegerem dos inimigos e também para terem pensamentos mais claros a tomar decisões.
Era também recomendada aos caçadores para facilitar a captura de animais selvagens, pois acreditavam que ela oferecia maior capacidade de concentração mental.
Essa pedra ajuda a combater a insónia e os sonhos agitados, acalma a nossa mente, descarrega o nosso medo, raiva e  ansiedade. Activa e acelera o metabolismo.

Paz e Luz