Ganesha pertence à família dos Deuses mais conhecidos do Hinduísmo, filho primogénito de Shiva (terceira pessoa da trindade hindu, Deus da renovação e criador da Yoga) e de Parvati  (filha dos Himalaias. Deusa da beleza, mãe bondosa e mulher devotada). Um dia Shiva saiu para meditar e muito tempo se passou, quando despertou correu de volta para a sua mulher. Porém Parvati havia dado à luz a um filho e deu-lhe o nome de Ganapati.           Parvati estava tomando banho e Ganapati vigiava o portão,  quando um homem alto de aparência selvagem aproximou-se pedindo para entrar. O rapaz recusou o seu pedido, furioso Shiva empurrou o rapaz e foi directo para casa, Ganapati correu até a porta e empunhou a sua espada. Shiva furioso fez aparecer o seu terceiro olho poderoso brilhando como fogo e, em poucos segundos o corpo do rapaz estava caído no chão sem cabeça.Parvati ficou horrorizada ao ver seu filho morto pelo marido que não via a muito tempo e pôs-se a chorar amargamente dizendo para Shiva: Este era o seu filho e você o destruiu. Shiva ficou muito triste, e disse a Parvati que o filho era um Deus e estava apenas desmaiado mas, não podia desfazer o que já estava feito. Então quando encontrou um elefante bebê, tirou-lhe a sua cabeça e a colocou em Ganapati e desde este dia o nome do rapaz passou a ser Ganesha. Parvati tentou de diversas formas mudar o sucedido e pedia aos outros Deuses que dessem ao seu filho uma cabeça decente. Os Deuses disseram à ela que secasse as lágrimas que tudo se resolveria. Brahma, Vishnu e Indra pediram a Parvati que perdoasse Shiva, e disseram que todos reconheceriam Ganesha pela sua bondade.     Brahma disse: Ganesha será o Deus da sabedoria, será o Escrivão dos céus e o Deus da literatura, e Vishnu acrescentou: Será o Deus que removerá todos os obstáculos, e será para Ganesha que todos rezarão em primeiro lugar, antes de invocar qualquer outro Deus. Será o Deus que sorrirá com boa fortuna para todos os negócios.

Paz e Luz!